2.

Psiquiatria Clínica

Existe necessidade de tratamento com psiquiatra  quando se perde  a liberdade de escolher sobre os atos  e controle das  emoções. Por exemplo, no uso social do álcool, o indivíduo é capaz de decidir quando, onde e quanto quer beber. Na dependência de álcool, o indivíduo sente que "precisa"da bebida, que não consegue controlar as circunstâncias e o modo como deve beber, mesmo quando o uso traz muito sofrimento e prejuízos.  Nesse caso, um medicamento pode reduzir o desejo de  beber e a conversa com o psiquiatra pode fornecer estratégias para lidar com a falta da bebida.